Janela

É como se eu quisesse, toda vez que abro a janela do escritório olhar pra essas ruas e imaginar que, por detrás destes prédios a sua casa se encontra. Eu vou me perdendo nesse misto de cores que alternam entre as arquiteturas e o céu azul clarinho sem nenhuma nuvem. Eu sei, passo muito tempo olhando pra isso ao invés de me concentrar no meu trabalho. Mas é quando eu to ligeiramente quieta, quando eu realmente acho que vou pra frente, eu me deparo todos os dias com esse mesmo céu. Não importa se o tempo fecha ou se nem consigo abrir os olhos por causa do sol. Você está do outro lado, ali, escondido. Eu sei que está. Mas, apesar disso tudo, eu quero que continue aí. Não me venha com pezares, nem me conte sua vida. Eu realmente não quero saber. Não agora. Não mais, pra falar a verdade. Eu estou muito bem assim. Deixa, me deixa ficar só olhando.

CONVERSATION

2 comentários:

  1. Eu faço a mesma coisa quando estou no estágio.

    Fico olhando na Janela do lada da minha mesa, e fico pensando, o que me espera lá fora.

    Olhando, observando e sonhando... Um futuro enorme, simples, mas grandioso.

    ResponderExcluir

Back
to top