Sorrir depois de chorar na véspera.

- Moça, moça.
. Oi?
- Uma pergunta rápida: Por que você sorriu pra mim?
. Eu? Ah, é costume de sorrir pras pessoas.
- Mas você nem me conhece.
. E qual é o problema? Você olhou pra mim e eu sorri.
- Eu acho que o problema está em você. Tem desvio de atenção ou quer chamar a atenção?
. Meu Deus, ninguém nunca sorri pra você? Oras, eu sou assim. Sempre fui. Não vou mudar. E quem é você pra falar isso pra mim? Deixa eu sorrir em paz, poxa vida.
- Desculpa moça, é que realmente nunca ninguém me sorriu assim.
. Assim como?
- As seis da manhã.
. E desde quando tem hora pra receber ou dar um sorriso?
- Não digo isso, digo que alguém me notou.
. Mas eu só sorri.
- Um sorriso que valeu mais do que qualquer outra coisa.

CONVERSATION

5 comentários:

  1. Conheci seu blog na comunidade Caio Fernando Abreu.
    Gostei muito e estou seguindo.
    Acho que ter um blog significa ter um espaço para dividir com pessoas de todo lugar do mundo, coisas que gostamos, pelas quais nos apaixonamos, aquilo que move nossa alma e nosso coração. Você faz isso muito bem.
    Parabéns!

    http://sabordaletra.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Realmente, nada como um sorriso para mudar um dia inteiro!
    Estou seguindo :)

    ResponderExcluir
  3. é! acho que vale apena eu continuar sorrindo e desejando bom dia, boa tarde e boa noite pra todo mundo. isso me faz bem!

    ResponderExcluir

Back
to top