Eu preciso voltar a andar sozinha, sem por os pés no chão. Minha vida anda me doendo e eu preciso parar de falhar. Parar de achar que alguém irá mudar o meu destino e aceitar que quem irá muda-lo, será eu mesma. Eu não posso continuar a vender meus olhos a dor. Dizem que a verdade dói, mas uma mentira (sobre você) dói mais ainda. Mas essas coisas a gente transforma em caminho. Olhar pra trás e aceitar que o próprio erro faz parte. Sermos eternos pedaços a nunca se encaixar. Tenho que voltar com a minha memória e por a minha história em dia. Meu tempo talvez seja visto em relógios, mas eu sei que a vida me espera. Eu só preciso aprender a não esperar dela.

CONVERSATION

1 comentários:

  1. menina, a gente não pode esperar nada... Nem da vida nem de ninguém!

    ResponderExcluir

Back
to top